terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

(...) O homem inteligente não cria estardalhaços. Tal qual o velho Sócrates, ele sabe que nada sabe e então se arma de cautela, é gentil. Já o burro enche o peito de solidão, enquanto cospe suas pequenas verdades sustentáveis. O homem burro desconhece sua burrice, por isso o ar de superior. (...)

3 comentários:

Di disse...

Ele devia ser agressivo por crer que sabia tudo.

Grazi Rodrigues disse...

as pessoas deveriam ter medo de saber tudo.

gabi disse...

eu sou tão burrinha